Que cheiro bom!

Perfume a casa: aromas criam a identidade do ambiente

A decoração não se restringe ao visível. Dentre os vários tipos de essências para relaxar, restaurar a energia, estimular a mente, é bom procurar um profissional para indicar o cheiro ideal conforme a situação

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 19/11/2020 09:14 / atualizado em 19/11/2020 12:50 Portal Lugar Certo

O aroma pode ser trabalhado por meio das plantas. Na foto, projeto de apartamento do arquiteto Junior Piacesi - Gustavo Xavier/Divulgação O aroma pode ser trabalhado por meio das plantas. Na foto, projeto de apartamento do arquiteto Junior Piacesi

Trazer para a decoração novas experiências sensoriais que vão além do que a visão capta pode ser um caminho para ganhar mais saúde, equilíbrio e bem-estar. Explorar a personalidade e os desejos dos moradores através dos aromas e estender para os ambientes da casa perfumes cheios de identidade são maneiras de ativar energias positivas que significam um conforto focado não apenas na estética.

Os cheiros, então, se tornam aliados do design e são capazes até mesmo de melhorar a qualidade de vida. É a decoração aromática, que se liga a um caminho apontado pelo campo do conhecimento chamado aromaterapia. Ativos naturais ou sintéticos, além de chegar à memória olfativa, agem nos planos mental, físico e emocional de forma afetiva.

O olfato é o mais marcante dos sentidos. Tanto que, quando uma pessoa sente um aroma novamente, é capaz de reviver emoções associadas àquele cheiro. Cada pessoa se identifica com uma nota olfativa, e cada uma delas é capaz de despertar sensações que não se limitam à escolha do mobiliário, das tintas e revestimentos.

O conforto em um ambiente vai além do visual e pode, através de elementos como os sons e, neste caso, os aromas, se prolongar pelo subconsciente e repercutir de maneira positiva, resultando em uma integração mais completa com os espaços. Existem aromas adequados para situações, ambientes, cores e efeitos específicos, e esta escolha perpassa as particularidades dos indivíduos - cheiros também interferem no comportamento.

Trata-se do uso de outros sentidos para compor o ambiente. A decoração subjetiva encontra nos aromas uma nova arma dentro da composição. "Ao entrar em qualquer espaço, uma das primeiras sensações parte da percepção do cheiro do ambiente. Neste instante, são feitas conexões. Se já é prazeroso e motivador chegar no trabalho e ver que o local está limpo, abrir a porta de casa e sentir um aroma agradável e acolhedor é ainda melhor", diz o arquiteto Junior Piacesi.

Ele salienta que, graças aos referenciais que partem da memória olfativa, o perfume de uma pessoa querida ou que lembre um momento especial fica registrado no cérebro ao longo dos anos. "Basta sentir o mesmo aroma em qualquer lugar do mundo que, instantaneamente, vem a lembrança afetiva", diz Junior Piacesi.

Entrar no ambiente e sentir o frescor dos aromas potencializa a experiência no espaço. Neste projeto de Junior Piacesi, esse sentimento é favorecido com a visão para a natureza - Gustavo Xavier/Divulgação Entrar no ambiente e sentir o frescor dos aromas potencializa a experiência no espaço. Neste projeto de Junior Piacesi, esse sentimento é favorecido com a visão para a natureza

Em ambientes comerciais, como lojas, por exemplo, cheiros que diferenciam um espaço do outro podem definir a personalidade da marca, criando um novo tipo de vínculo com os clientes, influindo diretamente na experiência de compra e na opção pelos produtos. Para espaços corporativos, onde promover bem-estar para clientes e funcionários é importante, é indicado aromas que deixam o local mais agradável.

Dentro de casa, continua o arquiteto, entre cores, texturas, iluminação e paisagismo, entre outros elementos, o cheiro também é essencial para conferir identidade. "O cheiro cumpre papéis diferentes. Potencializa a experiência de viver bem, caracteriza a individualidade do morador, transmite uma mensagem", diz.

Os ambientes se comunicam através dos perfumes que exalam. Um valor agregado à decoração. Os ambientes se comunicam através dos perfumes que exalam. Um valor agregado à decoração. "O cheiro cumpre papéis diferentes. Potencializa a experiência de viver bem, caracteriza a individualidade do morador, transmite uma mensagem" - Junior Piacesi, autor desse espaço externo e do quarto

Dentre os vários tipos de essências para relaxar, restaurar a energia, estimular a mente, é bom procurar um profissional para indicar o aroma ideal conforme a situação. "Na perspectiva da arquitetura, o aroma pode ser trabalhado por meio das plantas, aromatizadores, pulverizadores, óleos essenciais e desinfetantes. É importante entender que cada perfume desempenha um papel importante na decoração e ter em mente qual conexão se deseja criar em cada local, para deixá-lo acolhedor e agradável", ensina o arquiteto. "No caso de métodos artificiais, flores e folhas secas, sachês, difusores ou sprays ajudam a conceber a fragrância pretendida", orienta.

Cada cômodo da casa pede um cheiro específico. Na sala, alecrim, cravo, capim limão e verbena são elementos que remetem a alegria e bem-estar. Projeto de Junior Piacesi - Gustavo Xavier/Divulgação Cada cômodo da casa pede um cheiro específico. Na sala, alecrim, cravo, capim limão e verbena são elementos que remetem a alegria e bem-estar. Projeto de Junior Piacesi

Cada cômodo da casa pede um cheiro específico. Os ambientes se comunicam através dos perfumes que exalam. Na cozinha, continua Junior, um local onde se misturam muitos cheiros, vale aplicar aromas cítricos, como limão, laranja e citronela. Cravo, canela e erva-doce amenizam os efeitos olfativos das frituras. Na sala, local de encontros e confraternizações, alecrim, cravo, capim limão e verbena são elementos que remetem a alegria e bem-estar.

No banheiro, acrescenta Junior Piacesi, aromas florais, como cerejeira, lavanda e capim limão elevam a percepção de higiene e a sensação de frescor, enquanto para os quartos fragrâncias como baunilha, camomila ou lavanda são recursos para promover um clima de relaxamento e tranquilidade. "Se desejar levar o aroma da natureza para dentro de casa, um jardim de lavanda é uma excelente opção", diz o profissional.

Dicas preciosas para ter ambientes aromatizados:


- Aromatizador com varetas perfumadas

- Usar essências aromáticas em réchauds

- Pulverizador aromático

- Passar essência de baunilha nas lâmpadas apagadas. Quando estiverem acesas, o calor espalha o aroma pelo ambiente

- Aplicar gotas de óleo essencial de lavanda na capa do travesseiro, além de uma noite mais perfumada, proporciona relaxamento

- Água de lençóis perfuma a cama

- Ferver água com essência de alecrim e passar com o pano na casa

- Gotas de óleo essencial no cartão do rolo do papel higiênico deixam os rolos extras perfumados e aromatizam todo o banheiro

- Uma ideia menos óbvia é perfumar a casa diretamente a partir do fogão. Colocar na panela água, alecrim, gotas de baunilha e deixar fervendo, libera o perfume pela casa

 

(Fonte: Junior Piacesi/Arquiteto)

Tags: design de interiores decoração aromática aroma aromaterapia arquitetura cheiros

Últimas Notícias

ver todas
04 de dezembro de 2020
02 de dezembro de 2020

No Lugar Certo você encontra o que procura